Dieta vegetariana pode ser a salvação do coração

Dieta vegetariana pode ser a salvação do coração, diz estudo

Dieta à base de vegetais reduz risco de falência cardíaca em 42%

Entre as ‘1001’ dietas que existem nos dias de hoje, há uma que continua sendo a mais indicada para cuidar da saúde. Depois de ter analisado cinco tipos diferentes de planos alimentares, uma equipe de cientistas da Escola de Medicina de Icahn, em Nova York, concluiu que a dieta à base de vegetais é a que mais protege o coração.

Os planos alimentares analisados foram a dieta de conveniência (aquela que inclui tudo o que é prático e não precisa ser cozido, como o fast-food e as refeições de forno/micro-ondas), a dieta vegetariana (embora tenha sido incluído o consumo de peixe), a dieta doce (em que maioritariamente eram consumidos alimentos processados e ricos em açúcar), a dieta do sul (uma dieta ao estilo americano, com frituras, carnes processadas e refrigerantes) e ainda uma dieta à base de salada, mas com a inclusão de molhos industriais e vinho.

Segundo o jornal The Independent, os pesquisadores norte-americanos analisaram o impacto de diferentes tipos de alimentação em 15.569 pessoas e foram os participantes vegetarianos os que apresentaram um risco de falência cardíaca 42% menor, independentemente de outros fatores que possam desencadear a doença, como a idade, o sexo e o sedentarismo.

Para os cientistas, de acordo com o jornal britânico, o segredo para uma melhor saúde cardíaca deve-se à maior ingestão de vitaminas e minerais e à exclusão de gorduras saturadas (presentes na carne e nas carnes processadas), açúcares industriais e carboidratos refinados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *