Futuro senador Wilmar Lacerda emite nota de esclarecimento

Futuro senador Wilmar Lacerda emite nota de esclarecimento 

Em relação à reportagem “Futuro senador Wilmar Lacerda é acusado de comprar sexo de menor com lanche”, veiculada pelo Blog Metrópoles, em 16 de novembro deste ano, esclareço o seguinte:

1 –Jamais paguei para manter o relacionamento citado na reportagem. Nos últimos meses do ano passado (2016), tive uma relação afetiva com uma jovem que conheci em Planaltina, época em que me encontrava separado da minha esposa. Importante registrar que esse relacionamento começou em um bar da cidade, de ampla visitação pela comunidade de Planaltina, e não às escondidas ou por meio de pagamento de qualquer espécie.

2 – Reforço: nunca paguei por nada. Isso é reconhecido na própria reportagem pela jovem, e consta dos autos do inquérito. Os chamados “lanches” eram, nada mais, que refeições que fazíamos em locais públicos, como restaurantes e shopping. Chega a ser ridícula a tentativa de interpretar esses fatos como prostituição. Esta relação, inclusive, era de conhecimento da mãe da jovem.

3 – A matéria é tendenciosa, apelativa e induz a erro de julgamento, pois tenta transformar um relacionamento normal em uma relação moralmente reprovável e criminosa. É estranho que somente agora, mais de um ano depois, um relacionamento entre duas pessoas é denunciado e se torna manchete a poucos dias de uma possível ocupação em cargo público de Senador.

4 – Não cometi crime algum, não fui irresponsável ou imoral, não ofendi a sociedade de Planaltina, de Brasília e do Brasil. De forma respeitosa e consentida me relacionei com uma jovem que conheci em ambiente público, frequentado por homens e mulheres de Planaltina e de Brasília. Portanto, não foi ilegal a relação que tive.

5 – Tomarei todas as providências para reparar minha honra ofendida por uma reportagem que atinge não só a mim, mas também à minha família, e me fortaleço na decisão de lutar a cada dia, em qualquer situação, como cidadão comum ou como ocupante de qualquer cargo público, pela melhoria da vida da população do Distrito Federal e do Brasil.”

Wilmar Lacerda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *