Motorista do acidente da EPVP apresenta esclarecimentos iniciais à 21ª DP

Motorista do acidente da EPVP apresenta esclarecimentos iniciais à 21ª DP

Suspeito de causar acidente na contramão da Estrada Parque Vicente Pires (EPVP), no Park Way, matando a motorista, prestou depoimento no início da noite desta segunda-feira (4). Ele estava desaparecido desde o último sábado (2), dia do acidente, e estava sendo procurado pela polícia.

Segundo informações iniciais da 21ª DP, o Suspeito, chegou acompanhado de sua advogada e pouco esclareceu na oportunidade. Declarou que o acidente teria sido causado porque alguém teria batido nele, o que teria feito com que perdesse o controle e invadisse a pista contrária, ocasionando o acidente. Afirmou que estava em velocidade compatível com a via e negou que tivesse feito uso de álcool.

O viúvo da vítima, que conduzia o veículo do momento do acidente, no entanto, diz que o autor já vinha forçando passagem de antes. Ao passarem em determinado ponto em que havia desnível na via, chegou a tocar no carro da vítima. Como ele não abriu, insistiu a passagem pela direita, vindo a perder o controle do seu carro, colidindo com o lateral, o que gerou todo o acidente.

O delegado-chefe Raimundo Vanderly informou que foi instaurado inquérito policial do caso. Outras pessoas envolvidas estão sendo ouvidas, bem como outros elementos probatórios (como perícias e dados de câmeras de monitoramento) foram solicitados para colabora na elucidação do acidente.

 

Relembre o caso

O veículo que Márcio Wallace Vieira Saltos conduzia, uma Mitsubishi ASX, bateu em um Honda Fit ao invadir a contramão na madrugada desse domingo (3). Arlete Teixeira Trindade estava no banco do carona e sofreu uma parada cardiorrespiratória. Testemunhas afirmaram que o condutor estaria em alta velocidade no momento da colisão. Há suspeitas de que ele estaria participando de uma racha, mas a informação não foi confirmada.

O veículo era conduzido pelo marido dela, o servidor da Caesb Thiago Trindade, de 36 anos. O homem também ficou ferido e foi encaminhado para o Hospital de Base do Distrito Federal. Um terceiro veículo envolvido no acidente, um Fiat Palio, era conduzido por Eliton Franco de Oliveira, que sofreu ferimentos leves e foi levado para o Hospital do Guará. Uma passageira que estava no carro teve fratura e escoriações.

Após o acidente, o veículo conduzido por Márcio colidiu com um poste de iluminação, que ficou danificado. De acordo com a corporação, o carro conduzido por Márcio está no nome da mulher dele. Em depoimento, ela contou que, após a colisão, o marido voltou para a casa da família, no Guará, e sumiu a bordo de uma moto. Ainda segundo a esposa, o homem contou que tinha se envolvido em um acidente e não revelou o destino.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close