Funcionário da CLDF lotado no gabinete da deputada Telma Rufino, é preso em operação da policia civil do DF

A Polícia Civil do Distrito Federal – PCDF, por meio da Coordenação Especial de Repressão à Corrupção, ao Crime Organizado e aos Crimes contra a Administração Pública e contra a Ordem Tributária – Cecor/PCDF, deu cumprimento, na manhã de hoje (20), o mandado de prisão temporária e a dois mandados de busca e apreensão, expedidos em desfavor de um funcionário da Câmara Legislativa do Distrito Federal, lotado no gabinete da Deputada Telma Rufino.

O funcionário é suspeito da prática de tráfico de influência e de delitos de falsidade ideológica, entre outros crimes, ainda em apuração. Ele se valia da influência do cargo que ocupa e abusava da confiança que lhe foi depositada.

A prisão temporária é uma medida cautelar, expedida para auxiliar as investigações da polícia, que ainda se encontram em andamento. Por isso, não será divulgado o nome do investigado.

A PCDF esclarece que, no momento, não há indícios de participação da deputada Telma Rufino nas condutas investigadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: